domingo, 19 de setembro de 2010

Alvará...


Ele se curva e começa a desenhar na terra.
Os mesmos dedos que gravaram os mandamentos do Sinai, agora rabiscam o chão.
Enquanto escreve Ele fala:

"Aquele que dentre vós está sem pecado seja o primeiro que atire a pedra contra ela."

Eis nosso alvará de soltura, escrito pelas mãos acolhedoras de Jesus...


( Max Lucado )


7 comentários:

Tere disse...

querida amiga cid@!amei essa postagem simplismente linda, parabens,beijos tere.

Ester disse...

Ah, Cida! Eu entro aqui e fico fascinada, penso que só vou olhar e guardar comigo minhas impressões, mas não consigo!
Esta, por exemplo, é uma das partes que mais amo na Bíblia, pois toca naquilo que somos mais humanos, a nossa vulnerabilidade,
o ato de julgar tão condenado de Jesus e tão em voga em nossos dias...
Ao invés de julgar Ele amou não condenando, mas aconselhando a mulher de não mais pecar...

Maravilhosa postagem! Vou dormir mais leve!

Beijinhos,

Zé do Cão disse...

Gostei





jinhos

AVOGI disse...

mas será que alguém atira a primeira pedra? nao , ninguém kis :)

Zé do Cão disse...

Resposta
Claro que falta a paciência, quando especialmente quando há disparates deste quilate.
Quanto aos "ninos" já terem saído de casa, acontece o mesmo no meu ninho e gostamos muito de os ver por cá, mas já não gostamos de invasão do nosso espaço. Mas, quando partiram é de partir o coração.

jinhos, e que por aí um sol igual ao de Lisboa

Marise disse...

adoro seu blog. Não sou muito de comentar, mas estou sempre por aqui.
Parabéns por tudo e continue assim.
Bj Marise Campos

Tite disse...

Claro que todos pecamos mas... como diria George Orwell... "uns pecam mais que outros".

Beijossssss