sexta-feira, 27 de maio de 2011

Lindo demais!!!


A jornalista e filósofa Lia Diskin, no Festival Mundial da Paz, em Florianópolis (2006), presenteou a platéia com um caso de uma tribo na África chamada Ubuntu.


Ela contou que um antropólogo estava estudando os usos e costumes da tribo e, quando terminou seu trabalho, teve que esperar pelo transporte que o levaria até o aeroporto de volta pra casa. Sobrava muito tempo, mas ele não queria catequizar os membros da tribo; então, propôs uma brincadeira para as crianças, que achou ser inofensiva.

Comprou uma porção de doces e guloseimas na cidade, botou tudo num cesto bem bonito com laço de fita e tudo e colocou debaixo de uma árvore. Aí ele chamou as crianças e combinou que quando ele dissesse "já!", elas deveriam sair correndo até o cesto, e a que chegasse primeiro ganharia todos os doces que estavam lá dentro.

As crianças se posicionaram na linha demarcatória que ele desenhou no chão e esperaram pelo sinal combinado. Quando ele disse "Já!", instantaneamente todas as crianças se deram as mãos e saíram correndo em direção à árvore com o cesto. Chegando lá, começaram a distribuir os doces entre si e a comerem felizes.

O antropólogo foi ao encontro delas e perguntou porque elas tinham ido todas juntas se uma só poderia ficar com tudo que havia no cesto e, assim, ganhar muito mais doces.

Elas simplesmente responderam: "Ubuntu, tio. Como uma de nós poderia ficar feliz se todas as outras estivessem tristes?"

Ele ficou desconcertado! Meses e meses trabalhando nisso, estudando a tribo, e ainda não havia compreendido, de verdade,a essência daquele povo. Ou jamais teria proposto uma competição, certo?

Ubuntu significa: "Sou quem sou, porque somos todos nós!"

Atente para o detalhe: porque SOMOS, não pelo que temos...

É sempre muito bom quando temos a oportunidade de aprender com as crianças!





13 comentários:

Giovanna disse...

Lindo mesmo Cida, a essência da simplicidade, da inocência, da união, vem das crianças, muitas vezes nem percebemos, mas é uma lição para todos...
No próximo mês eu vou a Africa em um trabalho missionário que venho pedindo a Deus a muito anos para ser realizado, agora chegou o momento, estou me preparando em vários pontos, mas sei que a realidade lá é bem diferente, estou preparando meu coração para estar lá presente de corpo, mente e alma... vou ficar na Tanzânia, Uganda e Maníbia e em muitas regiões eles usam o próprio dialeto africano o Suali, que andei estudando algumas coisas... a partir do dia 1 de junho estarei publicando no meu blog, como vai ser o trabalho, já temos uma Fundação que cuida de algumas crianças e mulheres na região de Uganda. Abraços Giovanna

Felismina disse...

Cida, querida como sempre nos trazendo coisas lindas, com as crianças nos aprendemos muito e um facto...

Quanto a sua duvida alheiras são um enchido delicioso tipico de Miradela (Portugal)e os grelos são um legume rsrsrs...

Bjs

✿ chica disse...

Maravilhoso mesmo! Um lindo fds,beijos,chica

Paloma disse...

CIDA, as crianças, por vezes, nos ensinam muitas coisas.

Beijos

Laura disse...

Somos, somos, Somos pois, sempre nos unindo é que conseguiremos alcançar a verdadeira união entre todos.

Venha jantar comigo menina, se meta no ónibus e ainda chega a tempo.

Um beijinho da fitinha.

JAN disse...

Que lição!!!!!

AVOGI disse...

ora uam coisa acertada mas que por vezes nesta vida nao é bem assim , as crianças sao cruéis desde muito nova e egoístas , as nossas as deste mundo , mas as da tribo por que não tem nada a nao ser o ar que respiram e por isso o pouco que aparece é distribuído /repartido pois vivem em comunidade ...essa filosofia ele nao entenderia nunca nem que estive uma vida na tribo pois ele é civilizado e como civilizado pensa de outra forma
kis .=) amiga d e longe mas tao perto

Jorge Pimenta disse...

amig@ cid@,
que dizer perante esta lição de humanismo? a verdadeira poesia escreve-se com gestos e acenos simples, mas desconcertantes, como este.
arrepiante, no mínimo.
beijos, amig@!

claudiafux@bol.com.br disse...

Muito lindo Cida!!
Aliás a foto já diz tudo, não é mesmo?

Bjcas
claudiafux

Regina Coeli disse...

Olá minha Querida Amiga,

E nós como somos privilegiadas!!!
Temos a bênção de aprender com nossas crianças a cada dia.
"Eu fico com a pureza da resposta das crianças.."
Muito obrigada pela doçura de suas palavras lá no FAZ DE CONTA!!
Sinto-me honrada em contar com sua amizade.
Regina Coeli

Joana disse...

Eu adoro trabalhar com crianças pela aprendizagem diária que tenho.

beijinhos

Bergilde Croce disse...

As crianças,independentemente da própria cultura ou nacionalidade estão sempre a nos impressionar e se formos atentos,muito mais a ensinar.Linda mensagem Cida,meu carinho pra ti!

Jetro disse...

Olá amiga, gostei muito do seu blog, vou postar esse texto no meu blog tá?
Boa noite e ótima semana!