terça-feira, 9 de novembro de 2010

Nossa incapacidade de ouvir ao outro...


"A gente não aguenta ouvir o que o outro diz, sem logo dar uma palpite melhor...
Sem misturar o que ele diz com aquilo que a gente tem a dizer.
Como se aquilo que ele diz não fosse dígno de descansada consideração...
E precisasse ser complementado por aquilo que a gente tem a dizer, que é muito melhor...
Nossa incapacidade de ouvir é a manifestação mais constante e sutil de nossa arrogancia e vaidade..."

11 comentários:

Helen De Rose disse...

Lindo seu blog Cida! Virei seguidora. Bastante sorte e sucesso pra vc sempre!

Aninha disse...

Oi... hoje só vou ouvir/ler o seu texto. Luz!! :-)

sinfonia disse...

Concordo em absoluto com este texto.
Também discordo de quem pensa
sempre ser mais inteligente do
que o outro.
Um beijo/Irene

Jorge Pimenta disse...

aqui me confesso culpado, em algumas das ocasiões, sobretudo quando me encontro mais cansado... mea culpa :)
um beijinho!

Jorge Pimenta disse...

aqui me confesso culpado, em algumas das ocasiões, sobretudo quando me encontro mais cansado... mea culpa :)
um beijinho!

Jorge Pimenta disse...

aqui me confesso culpado, em algumas das ocasiões, sobretudo quando me encontro mais cansado... mea culpa :)
um beijinho!

Tere disse...

oi cidinha! é verdade cida, tem até curso de oratória, mas não tem escutatória!!!bjus tere.

Diandra disse...

Oi querida Cida, nossa quanto tempo não tenho tido tempo pra ver seu cantinho, sempre lindo e de bom gosto, estava com saudades, sempre lindas mensagens que vc posta...fica com Deus, bjo na sua linda netinha Bruna! PS: Estou sumida cursando a faculdade.....bj

Regina Laura disse...

Oi Cida!!
Adoro Rubem Alves, e "Escutatória" é, sem dúvida, uma das maiores pérolas que ele já nos ofereceu.
Você escolheu esse trecho com enorme sensibilidade.
Lindo post!!
Obrigada por compartilhar essa beleza toda com a gente ;)
Beijo grande

Espaço do João disse...

Ainda há aquele ditado que diz:- Coitado de quem ouve, porque quem diz fica aliviado.

Gisley Scott disse...

Muito verdade, gostei!!!

Conheço gente desse jeito!