domingo, 25 de outubro de 2009

"O vício, tal como a virtude, cresce em passos pequenos..."

2 comentários:

petrucian disse...

que nada. o vicio cresce em paços pesados e é alientado pela necessidade que se faz e que se cria.
não é dificiu viciar, pelo contrario;
a virtude é dificiu conseguir.
um é prazeroso outro não.
palavras de viciado.
bjs

Cida disse...

Petrucian, respeito o seu modo de pensar, mas como uma pessoa (acredito eu), BEM mais velha que você, e consequentemente, com uma carga bem maior de vida, posso lhe dizer COM TODA A CERTEZA, que a virtude, pode ser e é, MUITO PRAZEROSA! Basta para isso, que você faça uma escolha de vida e opte por aquilo que te faz bem, te complete, e principalmente faz com que você possa amar a pessoa que você se tornou. A virtude só se torna difícil, quando você, como escolha de vida, vira as costas para ela. Mas como em tudo nesse mundo, felizmente, sempre é tempo de enxergar o outro lado e considerar novas possibilidades.
Um abraço.
Cid@